quinta-feira, 30 de julho de 2009

Tiro pela culatra 2- “Essa coisa repetitiva do SAAE e infundamentada” que escrevo cansa, como quer, o poder público ou incomodando-lhes muito? Conclua


Leiam o que segue. Antes um detalhe, a gira do texto é só para camuflar o oficialismo:

Cara, você é um lúdico? Nas reportagens que circularam até agora, você não notou que a água é somente para eventos e não será comercializada. Então cara, mude o tema , coloque ai um contexto mais importante a ser debatido, tá cansando esse coisa repetitiva do SAAE infundamentada. Numa boa,cara vaza dessa onda.
Publicar Recusar
(Anônimo)
13:02

Comento
Vamos primeiro as reportagens que desmentem a sua afirmação sobre o que eles querem negar, desesperadamente, agora, depois que expus o conflito de interesses, que a intenção não era comercializar a água. Leiam o que diz a matéria do jornalista Celso Martinelli no jornal Sete Dias que está nas bancas e diz:
“Segundo Maroca, o município vai estudar uma forma legal de viabilizar a COMERCIALIZAÇÃO DO COPO.” E completa com a fala do Prefeito Maroca: “Pode gerar receita o que é muito importante para a reestruturação do Saae e, consequentemente, traz a valorização do funcionalismo.”

A questão é que governo está sem saber como lidar com o fato da grande investida de marketing estar indo por água abaixo. Aliás aqui está a prova que a investida no copinho era uma jogada de marketing do prefeito Maroca, vejam o que ele dizia na reportagem: “PARA O PREFEITO MÁRIO MÁRCIO CAMPOLINA PAIVA, O MAROCA, O PRINCIPAL GANHO SERÁ EM PUBLICIDADE.”

Isso é a evidência definitivamente o grande erro dessa administração e revela visão tosca, pobre e marketeira que a cidade é vítima. Imagine, leitor, se com tanta deficiência estrutural em saneamento um copinho ia sustentar um ganho de “publicidade”? Nunca! Eles não compreendem a necessidade do povo. Fazem uma escolha que atende visão primarista onde as teses bestas sustentam as escolhas de políticas públicas da pior qualidade no saneamento da cidade.

Ah, mas quer dizer que estão preocupados com a qualidade dos temas debatidos aqui. Pô, já disse e repito “a coisa repetida” aqui é que da um ibope - apesar de eu não me pautar pela audiência. Só tem um detalhezinho aqui a repetição não é uma, como direi?, repetição, assim, clássica mas o aprofundamento dos assuntos de interesse do cidadão por isso ele vem aqui dialogar e vocês tentar desviar para outros assuntos mais “importantes”.

Sabe que a verdadeira repetição que cansa são os problemas graves de décadas que afetam o dia-a-dia com a água e o esgoto, que ninguém faz nada para resolver. Ah, não sei se você inventou um neologismo ou equivocou-se ao usar o termo: “infundamentada” o certo é esse debate está alicerçado na realidade, no sofrimento da população e na decepção com a sua administração que prefere fazer ações confessadamente, pelo próprio prefeito, publicitárias.

Isso é que é “infundamentada”, frustrante, vergonhoso e triste até.

Ademais, assim, numa boa excelência, não preocupe-se com a desimportância do que escrevo, porque ela é importante para muita gente, que se importa de verdade com a vida da população. Então sai dessa onda de tentar me pautar porque não cola não. Alias, você é que podia vazar daqui!
Postar um comentário