sábado, 10 de outubro de 2009

Tá feia a coisa em Minas - Prefeito de João Monlevade, Gustavo Prandini é cassado pela justiça eleitoral


TRE-MG. Gustavo Prandini (PV) é acusado de supostas fraudes cometidas durante a disputa eleitoral de 2008

Por ANNA FLÁVIA NUNES, no PORTAL O TEMPO ONLINE:
O prefeito de João Monlevade, na região Central de Minas, Gustavo Prandini (PV), teve seu mandato cassado ontem por determinação do juiz eleitoral Evandro Cangussu Melo.

Segundo informações do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), Prandini é acusado de irregularidades na prestação de contas da sua campanha, quando foi eleito, em 2008.

Leiam também:
Entrevista de Patrus e a minha opinião sobre ele

De acordo com o processo, a coligação que apoiou Gustavo Prandini teria recebido R$ 20 mil de uma rádio da cidade, o que é proibido pela Justiça Eleitoral, já que o veículo de comunicação opera por meio de uma concessão pública.

Com a cassação do mandato de Prandini, quem vai assumir a Prefeitura de João Monlevade será o segundo colocado nas eleições do ano passado, o médico Railton Franklin Silva (PDT). A posse está prevista para a próxima terça-feira.

De acordo com a assessoria de comunicação da prefeitura, Gustavo Prandini está viajando para a Bahia, por isso ainda não comunicado oficialmente sobre a decisão do juiz eleitoral Evandro Cangussu Melo. Ainda de acordo com a assessoria, o prefeito cassado pretende entrar com um recurso junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Minas contra essa determinação.
Postar um comentário