sexta-feira, 30 de outubro de 2009

STF vai analisar ação contra Eduardo Azeredo por mensalão mineiro no dia 4


da Folha Online
O STF (Supremo Tribunal Federal) vai analisar no próximo dia 4 a denúncia contra o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) por envolvimento com o mensalão mineiro. Ele é acusado por peculato e lavagem de dinheiro.
A denúncia foi apresentada ao Supremo pelo ex-procurador geral da República Antonio Fernando Souza.
Os ministros vão analisar se a denúncia apresenta indícios de autoria e materialidade dos crimes apontados pelo procurador. Presentes os indícios, a denúncia é recebida e a Corte abre ação penal contra o investigado, que se torna réu.
Se os ministros considerarem ausentes esses indícios, a denúncia é rejeitada e o inquérito é arquivado.
O senador e outros investigados, incluindo o empresário Marcos Valério, são acusados de montar e gerir um suposto esquema de "caixa dois" durante a campanha para a reeleição de Azeredo ao governo de Minas Gerais, em 1998.
Azeredo será investigado pelo STF, cabendo à Justiça Federal em Minas analisar o processo que envolve Valério e os outros investigados.
Postar um comentário