quarta-feira, 31 de julho de 2013

PSDB PODERÁ FAZER PRÉVIAS PARA ESCOLHA DO CANDIDATO A PRESIDENTE DA REPÚBLICA, O QUE É MAIS DO QUE JUSTO, É DEMOCRÁTICO - SERRA OU AÉCIO, QUEM SERÁ O CANDIDATO DO PSDB NA ELEIÇÃO 2014?

Prévias no PSDB voltam a assombrar Aécio

Cenário é discutido por paulistas após fusão do PPS com PMN, saída para Serra, naufragar; mineiro fará agendas no Estado

31 de julho de 2013 | 2h 04

PEDRO VENCESLAU , RICARDO CHAPOLA - O Estado de S.Paulo
A implosão do projeto de fusão entre o PPS e o PMN, que abriria uma janela de migração partidária e era a principal alternativa de José Serra para disputar a Presidência em 2014, reacendeu em setores do PSDB o debate sobre a realização de prévias para definir o nome da legenda que estará na urna eletrônica.
A candidatura do senador mineiro Aécio Neves, tratada como fato consumado até as manifestações de junho, deixou de ser unanimidade. O cenário de prévias tem sido cogitado reservadamente por tucanos de São Paulo, Estado que registra o principal foco de resistência ao projeto de Aécio. Atento a esse movimento, o mineiro vai concentrar sua agenda em São Paulo a partir de agosto.
"Se tivermos mais de um pré-candidato à Presidência, existirão dois caminhos: esperar a convenção de junho de 2014 ou fazer prévias e antecipar, o que seria mais conveniente", afirma o ex-governador Alberto Goldman, vice-presidente nacional do PSDB.
"Sou a favor de qualquer consulta de base. Sou contra decisões tomadas pela cúpula. Prévia é saudável porque o partido está morrendo", diz o deputado estadual Pedro Tobias, ex-presidente do PSDB paulista. Ele pondera, porém, que a disputa interna não significaria um racha dentro do partido. "Isso mostraria que o PSDB está sintonizado com a voz das ruas e sabe escutar a base." Veja matéria completa do Estadão aqui
Postar um comentário