quinta-feira, 25 de julho de 2013

PSD INCENTIVA CANDIDATURA DE JOSÉ SERRA E KÁTIA ABREU PODE SER SUA VICE - ELEIÇÃO 2014. CANDIDATOS A PRESIDENTE DA REPÚBLICA

Se Dilma sair do páreo, PSD apoia Serra, diz dirigente

Publicado por Midiacon News (extraído pelo JusBrasil) - 10 horas atrás
0
Para Queiroz, se Dilma sair, o caminho estará livre para trilharem o próprio caminho
A queda de popularidade da presidente Dilma Rousseff (PT), dificuldades políticas e econômicas enfrentadas pelo governo levam o comando do PSD a fazer cálculos para as eleições de 2014. O apoio a uma eventual candidatura do ex-governador de São Paulo José Serra (PSDB) é tido como certo pelo secretário-geral do partido, Saulo Queiroz, na eventualidade de Dilma não concorrer à reeleição.
Na análise do dirigente, caso a popularidade da presidente continue em baixa nas pesquisas isso poderá levar o PT a tirá-la do páreo.
- Se a Dilma não se recuperar, o PT poderá descartá-la. E, nesse momento, o jogo zera e estaremos livres para buscar o nosso caminho. Nosso apoio é à Dilma e não ao PT.
Dentro do xadrez eleitoral, ele acredita que, por falta de espaço no PSDB, Serra poderá deixar o ninho tucano até outubro e ingressar no PPS para disputar a Presidência. No PSDB, o candidato natural é o senador Aécio Neves (MG).
- A filiação no PPS é como se fosse um ingresso para o Serra participar do jogo. Se ele tiver sensatez, ele compra o ingresso. Amanhã, se ele se viabilizar, podemos seguir com ele.
O PSD até especula sobre quem poderia integrar a eventual chapa de Serra na condição de vice. O dirigente cita, sem titubear, a senadora Katia Abreu (TO).
- Ela é acima da média.
Ele também fez prognósticos para o presidente nacional da legenda, o ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab.
Postar um comentário