quinta-feira, 27 de maio de 2010

LULA APELA A BAIXARIA


Ontem, ao tentar justificar o seu fracasso pessoal nas negociações que nunca aconteceram com o Irã, partiu para a baixaria. "Eu tenho força. Ou dá ou desce", afirmou, tentando dizer que ele quer a paz e os EUA querem a guerra. Na verdade, Lula é quem fomenta a guerra, ajudando o Irã a produzir a sua bomba atômica, que é o que acontece quando as sanções são postergadas, como ele quer. Esta é a grande verdade que o mundo entendeu e que faz a imagem internacional de Lula, em apenas uma semana, ir para o fundo poço.Não há jornal sério no mundo que não esteja criticando o truque do Lula, usando a situação do Irã para auto-promover-se em busca de um cargo internacional. Até Obama cancelou uma visita certa ao Brasil. A irritação de Lula é típica de quem perdeu mais do que uma batalha: perdeu a guerra. A partir de 1 de janeiro de 2011 será, no cenário internacional, um nada ambulante. Ou no máximo um Nestor Kirchner dirigindo a Unasul.
Do Blog do Coronel

Postar um comentário