quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

MARILENE MELGAÇO É UMA "TRAÍRA"

Maria Lisboa está sentindo-se traída por Marilene Melgaço. Marilene é uma "traíra", disse a ex-secretária Maria Lisboa. Lisboa sente-se traída agora que sabe que a conversa de Marilene Melgaço de só ficar se ela ficasse não passava de conversa fiada. O fato é que realmente Marilene dizia isso, como falou para mim.

Aliás, até por isso, a procurei para saber se ela ia sair, como também lhe recomendar que assim o fizesse. Via como um gesto de protesto contra o desrespeito, que ora foi praticado contra a educação. Menos pela saída, que recomendei, mas pela reposição, como sabem do títular.

O que fica muito claro para todos é que os avanços conseguidos pela professora Maria Lisboa, vinha desagrandando a muita gente que está encastelado há anos. A revolução que estava em curso, havia ficado evidente para mim colidia com a mediocridade, muito bem distribuída, na cidade. Mais que isso: exporia a verdade sobre o governo Maroca - a falsa mudança.

O que tem que ficar claro para ex-secretária de Belo Horizonte é que sua proposta incomodava, sim, os peixes medianos encastelá-dos mas incomodava ainda mais o peixe, os peixes graúdos de Sete Lagoas. Quando eu percebei totalmente isso ví que o melhor era ela cair fora em dezembro. Era a única forma de fazer com Sete Lagoas encontre a sua mediocridade e a população e gente séria do nível estadual reagam e chame as falas as autoridades formais de Sete Lagoas.

Reparem uma coisa. Maria Lisboa criou uma Comissão paritária para reestruturar a política de recursos humanos da secretária de Educação. Um dos itens fundamentais a ser atacado e enfrentado era o apostilamento. O que poria fim a este instituto retrogrado, que no estado e na União foi extinto. Pois acredite segundo me comunicou nesta quarta-feira Mazinha da Unsp, que faz parte da Comissão, o Maroca disse que não vai mexer no apostilamento. "Não vou acabar com direito adquirido", teria dito o prefeito Maroca. Ou seja, está aí uma iniciativa de Maria Lisboa que colidia diretamente com atraso secular que pretende sustentar o prefeito e revelaria a verdade. Mas eles não tem como mais esconder.
Postar um comentário