quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Governador estuda antecipar saída para fortalecer Anastasia

Por Rafael Gomes, O Tempo:
O governador Aécio Neves (PSDB) estuda deixar a administração estadual mais de um mês antes do estabelecido por lei. O calendário eleitoral determina que, para concorrer em 2010, ele tem que se desincompatibilizar seis meses antes da disputa, em abril. Mas, segundo fontes ligadas ao tucano, a ideia é Aécio deixar o cargo logo depois do Carnaval, que acontece em 16 de fevereiro. A estratégia é desvincular o tucano de seu vice-governador, Antonio Anastasia (PSDB), dando a ele “musculatura” política para concorrer ao governo de Minas.
As articulações para a antecipação de sua saída já estariam avançadas, e Anastasia já teria começado, inclusive, a estudar uma composição para seu secretariado. As mudanças no primeiro escalão devem começar em dezembro. Ao contrário do que aconteceu em 2006, quando os adjuntos ocuparam o lugar dos titulares que deixaram as pastas para concorrer, desta vez a ideia é montar um “supersecretariado”, com nomes de peso também para dar força política a Anastasia.
É possível também que seja feita uma mudança geral, em mais uma tentativa de vender a ideia de autonomia do vice. Entre os nomes já cotados estão o do ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Carlos Velloso e do presidente do BDMG, Paulo Paiva. “Em dezembro e janeiro os que vão disputar a eleição saem, os adjuntos ficam por pouquíssimo tempo. Aécio antecipa a saída e em março o Anastasia já nomeia seus secretários. Anastasia já está fazendo consultas a nomes”, contou uma fonte. Mais
Postar um comentário