terça-feira, 22 de setembro de 2009

Eleição Governador em Minas 2010 - Anastasia manda recado ao PMDB: só sai na cabeça


Tucano diz que, por motivos legais, somente poderá concorrer ao governo
Por Ezequiel Fagundes, no O Tempo:
O vice-governador de Minas, Antonio Augusto Anastasia (PSDB), abandonou o discurso cauteloso e admitiu ontem, pela primeira vez, a sua intenção de entrar na disputa pelo governo estadual em 2010. Antonio Anastasia é o candidato preferido do governador Aécio Neves (PSDB).
Em entrevista, o vice-governador disse "ter muito gosto" quando seu nome é lembrado para concorrer ao Palácio da Liberdade e fez questão de ressaltar que, por conta da legislação eleitoral, só poderá entrar na disputa se for o cabeça de chapa. Anastasia deverá assumir o governo no ano que vem no lugar de Aécio. Na condição de governador (sem se desincompatibilizar), ele só poderá concorrer ao mesmo cargo.
A declaração do vice-governador tucano mineiro foi endereçada ao ministro das Comunicações, Hélio Costa, pré-candidato peemedebista ao governo. De acordo com Anastasia, em uma eventual aproximação entre tucanos e peemedebistas, Costa teria que abrir mão de candidatar-se ao governo.
"Vi uma declaração do ministro dizendo, corretamente, que não cogita sair candidato a vice-governador. Que será candidato a governador ou ao Senado. No meu caso, só posso ser candidato, em razão da legislação eleitoral, a governador", explicou Anastasia, descartando outras possibilidades.
A informação, ainda que nos bastidores, é que Anastasia deve compor com o deputado estadual Alberto Pinto Coelho (PP), que seria candidato a vice-governador. Mais
Postar um comentário