terça-feira, 8 de junho de 2010

PATRUS ANANIAS DIZ QUE NÃO QUER SER DE HÉLIO COSTA; ELE SABE QUE O RISCO DESSA CANOA NAUFRAGAR É ENORME

Por FERNANDO GALLO, na Folha:

O ex-ministro petista Patrus Ananias negou nesta segunda-feira que ocupará o cargo de vice na chapa de Hélio Costa (PMDB), confirmado hoje como o candidato lulista em Minas Gerais, em acordo chancelado pelas duas legendas.

"Não sou candidato a vice-governador. E uma mudança na minha opção dependerá de muitas conversas. Em princípio o meu desejo é o de não participar de nenhuma eleição", disse ele.

Patrus afirmou que deixou de ser ministro para governar Minas Gerais, e que, mediante essa impossibilidade, pode não ocupar cargo nenhum.

"Houve conversas, mas nenhuma decisão. Saí do ministério depois de um trabalho de seis anos, reconhecido no Brasil e no mundo, para governar Minas Gerais. Não tive êxito nas prévias [internas do PT], respeitei o resultado, continuo leal ao partido, mas também agora com direito a pensar cenários para a minha vida. Um deles é não ser candidato a nenhum cargo eletivo nessas eleições. Fazer uma militância sem mandato", disse. Mais
Postar um comentário