quinta-feira, 17 de junho de 2010

MAIS UMA MENTIRA

"O Governo não dá tratamento privilegiado para correligionários",
como quer fazer crer a incompetente administração Maroca.

Ontem disse que comentaria a matéria da prefeitura que dizia que "o bom relacionamento do prefeito Mário Márcio Maroca com o Governo de Minas trazem 104,6km de asfaltamento para estradas que ligam Sete Lagoas às cidades de Araçaí, Matozinhos e Prudente de Morais, além da avenida Norte/Sul." Vamos lá então desfazer outra mentira.

A rigor o mérito do prefeito de Sete Lagoas, Mário Márcio estaria em ter "bom relacionamento com o Governo", compreendido também com ele ser do mesmo partido do governador. Ou seja, a comunicação do Maroca quer fazer a população crer que ele teria um tratamento privilegiado ante a outros prefeitos que não são do PSDB e não teriam o mesmo grau relacionamento com o governo do estado.

Bem, sinto muito, mas eu sou obrigado desfazer mais essa mentira, porque ela deseduca politicamente e, sobretudo, porque se trata de mais uma descarada mentira do governo Maroca. E nem preciso demonstrar elencando uma série ruídos que existem na relação para dizer que o "bom relacionamento" não é assim tão bom pessoal, partidariamente e administrativamente falando. Mas o fato é que o próprio governador tomou a iniciativa no lançamento do programa "Caminhos de Minas" de desfazer essa mentira antecipando-se a ela, que ele imaginava que seria usada de forma mentirosa apenas pelos adversários petistas. Mas aí aparece o adversário petista filiado no PSDB, que valendo de uma comunicação mentirosa pode dar munição aos adversários com a falácia de que tem tratamento privilegiado.

O grande problema nessa vigarice do privilegio que ficará provado aqui uma mentira com a prova oferecida antecipadamente pelo governador na solenidade ATRAVÉS DE UM PREFEITO DO PT, é que ao recorrer a isso conserva-se a antiga falácia de que o grande mérito do prefeito de Sete Lagoas é ter bons contatos nas outras esferas: estado e união, quando não isso o mais importante. O problema é que isso deseduca a população que pode votar com os critérios errados e, pior, torna a suposto bom relacionamento partidário e pessoal como o mérito e não competência gestora como dever ser e é hoje para o governo do estado. Claro, claro, a boa competência pressupõe por óbvio um relacionamento harmônico e colaborativo.

E a prova de que o governo do ESTADO NÃO TRATA DE FORMA PRIVILEGIDA os municípios governado pelo PSDB foi dada preventivamente por um prefeito petista na solenidade no Palácio Tiradentes. Falando em nome dos [223] prefeitos presentes, Nelson Lara (PT), prefeito de Guapé, DEU O SEU TESTEMUNHO DE QUE O SEU MUNICÍPIO É TRATADO MUITO BEM ATENDIDO PELO GOVERNO DO ESTADO. No evento ele foi escalado para explicitar isso e desfazer as mentiras que normalmente o seu partido usa, mas que aqui virou a tentativa de salvação para incompetência do prefeito Maroca filiado ao PSDB.

É assim quem não tem competência, capacidade, administração precisa recorrer a mentiras descaradas.
Postar um comentário