terça-feira, 15 de junho de 2010

LANÇAMENTO DO PROGRAMA CAMINHOS DE MINAS NO PALÁCIO TIRADENTES: ENTREVISTA COM GOVERNADOR PROFESSOR ANTÔNIO ANASTASIA

A seguir a entrevista com o governador Antônio Anastasia falando programa "Caminhos de Minas" lançado ontem, mais tarde como disse publicarei mais informações com imagens:

É mais um programa importante para todo Estado, não é governador?

É com muita felicidade que nós vemos, ainda que com muita gente, o que é positivo, o lançamento de um programa histórico em Minas Gerais, que é o Caminhos de Minas. O governador Aécio lançou o Proacesso, que foi um programa âncora do desenvolvimento de Minas. Tenho a honra agora de lançar o Caminhos de Minas que é a continuidade desse programa, dando um passo avante importantíssimo para a interligação das regiões mineiras. Acredito que é um programa que vai trazer, não só, qualidade de vida, conforto, mas especialmente desenvolvimento econômico e integração regional às diversas regiões de nosso Estado.

E essa ida ao banco internacional em Nova York. O que vai representar para Minas Gerais?

Na verdade, temos uma parceria extremamente com o Banco Mundial e com o Banco Interamericano. Então, vamos lá também apresentar essa proposta para manter essa parceria sempre firme e sólida.

Já tem dinheiro ou não tem dinheiro? O senhor vai apresentar o projeto?

Já temos recursos. Veja bem, é um programa por etapas, obviamente. Ninguém faz um programa deste tamanho de uma vez só, como também não fizemos assim com o Proacesso. São diversas etapas. Já temos recursos este ano para concluirmos os projetos. Várias das obras já estão em execução, como por exemplo Uberlândia - Campo Florido. Algumas já começaram e vamos concluir os projetos neste ano e vamos apresentá-lo para nova parceria também com organismos internacionais. E é bom lembrar que, a partir do ano que vem, com o Proacesso concluído, teremos recursos do Tesouro que também serão suficientes para dar um grande impulso a esse programa que é um programa que será realizado em alguns anos.

Governador, a estrada Januária - Chapada Gaúcha vai interligar o Norte de Minas ao Centro-Oeste do país. Qual a importância e qual o prazo de execução?

Exatamente esse o nosso esforço. Fazer que as regiões mineiras fiquem interligadas entre si e com outras regiões o país. Para você ter uma ideia, o Sudoeste de Minas não é ligado ao Triângulo, a não ser por São Paulo. Vai ser ligado direto. Mesma coisa o Norte com o Centro-Oeste. Então, nós faremos isso. E o projeto, é um projeto de médio e longo prazo Estamos começando algumas novas agora, estamos fazendo os projetos, mas é fundamental que tenhamos agora o início do planejamento, como fizemos com o Proacesso. O Proacesso começou em 2003, está sendo concluído agora, estamos fazendo a mesma coisa com as ligações, com os Caminhos de Minas.

A oposição vai chiar de novo. Vão dizer que o senhor está fazendo campanha.

O Governo tem que lançar os programas. Estamos apresentando projetos, apresentando os programas, realizando as obras, assinando os convênios, exatamente dentro do que é a função de governar. Aliás, como ocorre também nas outras esferas.

Governador, com o Hélio Costa definido, o senhor está ampliando a coligação. O senhor já conversou com o PR, hoje o senhor está com o PRB, com o PSB, vai ampliar? Como o senhor vê isso?

Como eu disse, esse mês de junho é o mês adequado para essas conversas. As conversas vão bem, porque o governo é um governo bem avaliado. E nós tivemos parcerias com todos esses partidos ao longo desses anos do governo Aécio Neves. Então, é natural que esses partidos continuem onde estão, no nosso lado, conversando, apresentando também suas propostas, suas ideias, fazendo parte da base do governo. Então, isso faz parte desse processo. Acreditamos que, até o final do mês de junho, isso será concluído e teremos uma coligação política bastante forte para sustentar a nossa candidatura.



Postar um comentário