domingo, 3 de julho de 2011

Perrella, suplente de Itamar, sofre investigação do Ministério Público

A evolução patrimonial do presidente do Cruzeiro e suplente de senador, Zezé Perrella (PDT), será investigado pelo Ministério Público de Minas Gerais, de acordo com informação do jornal Hoje em Dia, no final de maio.

O MP quer saber como Perrella conseguiu adquirir uma fazenda avaliada em R$ 60 milhões, mostrada pelo Hoje em Dia, em Morada Nova de Minas. Lá, a atividade agrícola, que visa até mesmo a exportação, é extensa, com criação de bovinos e suínos, além de plantação de grãos. Ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Perrella informou ter R$ 490 mil em bens, entretanto, antes das últimas eleições. 

A fazenda está em nome da empresa Limeira Agropecuária, com as ações divididas entre dois filhos do presidente da Raposa e de um sobrinho, segundo o Hoje em Dia. Um dos filhos é Gustavo Perrella (PDT), de 27 anos, atual vice-presidente de futebol do Cruzeiro e recém eleito deputado estadual. Zezé Perrella está na vida pública desde 1995, quando assumiu a presidência celeste pela primeira vez.
..............................................................................
Zezé Perrella emitiu nota oficial contestando o Jornal Hoje e informando que:

1 – Das terras que compõem a fazenda Guará, no município de Morada Nova de Minas, cerca de 87% foram adquiridos pela empresa Limeira Agropecuária e Participações Ltda em 1999, em um total de 3.220 hectares. 

4 – Após arduos anos de reinvestimentos de lucros e muito trabalho,hoje a fazenda Guará tem uma área total de 3.700 hectares, 110 funcionários, um faturamento anual de R$ 20.000.000,00 (vinte milhões de reais) e está avaliada em R$ 60.000.000,00 (sessenta milhões de reais), com a seguinte composição: 

8 – Hoje a referida empresa tem a seguinte constituição societária: Gustavo Henrique Perrella Amaral Costa (47,5%), Carolina Perrella Amaral Costa (47,5%) e André Almeida Costa (5,0%), conforme os documentos registrados na Junta Comercial de Minas Gerais. 

Pelo acima exposto, conclui-se que Gustavo Henrique Perrella Amaral Costa, atual deputado estadual pelo PDT em Minas Gerais, possuindo 47,5% de uma fazenda avaliada em R$ 60 milhões, deveria ter, na Limeira Participações,  um patrimônio de R$  28,5 milhões. Vejam (clicar na imagem para ampliar e ler) o que o filho declarou para a Justiça Eleitoral, segundo o site Excelências:
















Postar um comentário