quarta-feira, 13 de julho de 2011

GOVERNO DE DIREITA É MAIS COMPETENTE NA GERAÇÃO DE EMPREGOS


Grã-Bretanha: desemprego recua em 26.000 pessoas

Atuais 2,45 mi de desempregados correspondem a 7,7% da força de trabalho

O desemprego na Grã-Bretanha recuou em 26.000 pessoas entre março e maio, somando 2,45 milhões de desempregados, informou nesta quarta-feira o Escritório Nacional de Estatísticas (ONS). Conforme o escritório, o número - que compreende tanto os beneficiados com o seguro-desemprego quanto os que não recebem - equivale a 7,7% da força de trabalho do país.

O número de beneficiados com o seguro desemprego, por outro lado, subiu em 24.500 desempregados, para 1,52 milhão, o maior crescimento desde maio de 2009. A receita média dos trabalhadores cresceu 0,3% em maio na comparação com o mês anterior. Na faixa etária de jovens com idades entre 16 e 24 anos, o desemprego desceu em 42.000 pessoas, para 917.000 desocupados.

O número de pessoas empregadas subiu em 50.000, totalizando 29,28 milhões de pessoas, o melhor resultado em dois anos. "Há bons sinais nos números do mercado de trabalho, especialmente com o aumento do emprego no setor privado. É realmente importante que continuemos apoiando a economia e encorajemos aos negócios a investir e criar empregos", assinalou nesta quarta-feira o titular de Trabalho, Chris Grayling.

"No entanto, não subestimamos o alcance do desafio que enfrentamos para ajudar as pessoas a ter trabalho. Sempre dissemos que o caminho da recuperação seria difícil", acrescentou.

(Com agência EFE)
Postar um comentário