segunda-feira, 17 de outubro de 2011

QUANDO A JUSTIÇA CHAMA A CIDADE A RESPONSABILIDADE É PORQUE ESTÁ FALTANDO... RESPOSABILIDADE! E MAIS: MINHA SUGESTÃO A MARIA LISBOA, É HORA DAR O FORA

(data original das postagem:  Publicado em 23/12/09 03:12)
Pois é, amigo leitor, esse texto não é pequeno, mas, ao final, você verá que o meu esforço de escrevê-lo e o seu de lê-lo terá valido a pena. É um dos posts mais esclarecedores que já fiz.

A justiça acaba de condenar os prédios onde estão as escolas municipais: Helena Branco, Milton Campos, Joaquim Drumond e Professor Nemésio. Tais prédios que estão em péssimas condições, são também alugados. Dessa forma, estamos diante do improviso do improviso, porque escolas devem funcionar em prédios próprios, estas além de estarem em locais provisórios estão em "uma precariedade enorme", palavras da própria secretária de Educação.

Na sequência eu apresento a entrevista que eu fiz com a Professora Maria Lisboa, a secretária de Educação, comento suas respostas em azul.

Eu, Leonardo - Professora a senhora não acha que foi um lapso do Governo Maroca não ter agindo antes e priorizado a construção, a reforma, a melhoria destes prédios?
Secretária - Não, definitivamente, a mais todos são testemunhas que as escolas tem uma precariedade enorme e se em 4 anos anteriores não se conseguiu achar uma solução, muito menos nós poderíamos ter achado em um ano. Os prédios são alugados eles têm que ser substituídos. Nós neste ano conseguimos fazer as plantas da escola Nemésio que vai ser construída e da escola Helena Branco já temos área e tudo para essa construção, a construção vai acontecer no próximo ano, acho que em um ano já foi um avanço muito grande. E em relação as escolas infantis nós estamos aguardando um projeto do Ministério da Educação que também ficou de mandar recursos no próximo ano.
Errado Professora. Faltou o seu chefe dirigir a prioridade dele focada na reforma do Estádio Joaquim Henrique Noqueira, a Arena do Jacaré, para o que é importante de verdade e desesperadamente urgente como são as escolas de nossa cidade. Se estou errado mande-me uma foto que seja onde o seu chefe tenha feito o mesmo esforço que se vê na foto a direita, em que esse suposto prefeito, trata com o diretor do Departamento Estadual de Obras de Minas Gerais (DEOP-MG), João Antônio Fleury, sobre a ampliação e melhoramentos da Arena do Jacaré. Aliás, a senhora e a cidade sabem do respeito que tenho pela sua capacidade, mas estou certo que ao lado dessa tartarga retardada e regressiva corres um sério risco de ter a sua imagem de grande educadora maculada.

Eu, Leonardo - Mas o Estado, por exemplo, negou recursos para escola Helena Branco quando a senhora esteve lá. Existe algum recurso?
Secretária - Nós temos um recurso próprio que pode e é..., pelo menos uma escola ele poderá construir. O Nemésio é certo até porque a planta já está pronta porque a gente tem recurso, mas mesmo assim vamos reivindicar um apoio da União para as construções.
Não entendi se tem o recurso porque "reivindicar um apoio da União para as construções"? Peça, então, para outras escolas. A propósito, essa escola que teve de abandonar o terreno onde estava (SERPAF) por causa do afundamento do solo e risco desabamento irá voltar para o mesmo lugar, onde existe o risco de abatimento do solo? Ignorar as AMEAÇAS deste lugar é um crime de irresponsabilidade com a vida das crianças e com o dinheiro público. Ou o que me diz desta imagem oficial do lugar (TERRENO SERPAF) com TRINCAS NO SOLO, 4 CAVERNAS E FRATURA NA ROCHA, como confidência o relatório da Prefeitura??? Vai construir aí uma tragédia certa, ISSO É CRIME. Vejam onde querem reconstruir a Escola Professor Nemésio (clique na imagem para ver melhor o risco mapeado pela própria Prefeitura:

Eu, Leonardo - Finalizando, Professora que solução a senhora vai dar agora para esse problemão que vocês estão com ele na mão?

Secretária - É uma coisa que eu posso dizer, por enquanto, é que todos os alunos continuarão estudando no próximo ano.
Mas a senhora também foi a Câmara e prometeu que faria novas escolas ainda esse ano e não cumpriu.

ADEMAIS, ACORDE, PROFESSORA MARIA LISBOA!
Bem, sabe qual é o verdadeiro compromisso do seu chefe e suposto prefeito?, as imagens a seguir são bem mais eloquentes do qualquer palavra que eu possa empregar:


Estas imagens acima foram usadas no post do dia 9 de novembro de 2009 (ISSO LÁ É HORA PARA FESTAS?), que vai a seguir em azul. Bem, até parece que eu estava prevendo o que iria acontecer, leiam senão todo, pelo menos o que vai grifado, volto com uma pequena notinha para a Professora e a cidade em geral e os edis em particular:

ISSO LÁ É HORA PARA FESTAS?
Parece amolar pouco o prefeito a situação caótica da cidade, é o que as imagens dele em três eventos festivos publicadas pelos jornais Notícia, Hoje Cidade e Sete Dias, neste final de semana revelam. É contrastante, para dizer o mínimo, a farta aparição do prefeito em momentos festivos enquanto a cidade vive momentos de tristes desespero e vergonha como o cancelamentos de centenas de cirurgias e a comprovação dos indícios de corrupção dentro da máquina pública municipal, denunciado pela oposição, através do atuante vereador Caio Dutra (PMDB).

O prefeito que disse que "esse governo não rouba e não deixa roubar" é obrigado a admitir publicamente que a coisa não é bem assim; o candidato que prometia mais e melhor a saúde, entrega menos e pior saúde. Quanta contradição agravada pela demonstração visual de que não estou nem aí.

Ou o que podem dizer essas imagens acima senão o stress zero do chefe do executivo com os problemas da cidade. Enquanto a cidade experimenta o caos dos serviços públicos municipais, seja a falta de escolas decentes, a água suja que é entregue à população, a limpeza urbana precária ou o hospital lotado de pessoas nos corredores sem médicos nem mesmo alí para lhes dar assistência, o prefeito vive uma semana festiva. Ele está a passeio?

Ora é claro que isso está errado. Agora, é que o prefeito deveria estar usando a sua suposta "força política com o governador e com o governo federal" para socorrer a cidade das tragédias sociais que experimenta; esse é o momento de vermos a foto do prefeito com secretários de estado, governador, ministro e até presidente da República em busca de soluções emergenciais para uma população que pena. Mas não, me aparece o senhor Maroca (PSDB) ao lado das candidatas a miss férias, entregando trofel e confraternizando-se, e para piorar acompanhado dos vereadores da base Claudinei Dias do PT, Marcelo da Cooperseltta (PMN) e Milton Saraiva (PP) (esse não tem nem água em casa nos finais de semana e tem que amolar os vizinhos) que parecem seguir o ritmo de "confraternização" do prefeito. Santo Deus! Tudo isso é um tapa na cara.

Encerro
O mesmo, suposto prefeito, que encontrou tempo para a badalação acima foi o Prefeito que não encontrou o tempo para prestigiar o lançamento do Programa Mais Educação, que você, amiga, lançou lá na Unifemm, lembra-se? Pois é professora a permanecer neste governo a senhora tenha a certeza de que vais macular seriamente a sua reputação. É impossível Professora avançar mais do que milagrosamente a senhora já conseguiu até aqui, sozinha, e contra todos, sinceramente, acho que a melhor coisa que a senhora faz para por sí e até mesmo pela educação local é largar esse governo. Certamente suas vitórias até agora serão reconhecidas e seu gesto compreendido, por muita Gente que precisa saber o que está acontecendo aqui, como o Professor Anastasia que tem sido responsabilisado pelo que não tem responsabilidade. E mais: em BH a senhora fez muito porque tinha um prefeito de verdade com compromisso de verdade com a educação, aqui o Cara veio a passeio. Tá na Cara!
E só mais duas palavrinhas, agora, para cidade em geral e para os vereadores em particular. Vamos lá. Senhores a capacidade de endividamento que nós temos e empregamos para fazermos o que temos oferta de investimento é o que falta para áreas sociais e de infraestrutura, de atuação, restritamente, pública como escolas.
Postar um comentário