domingo, 17 de agosto de 2014

"E quem defende o Brasil?"

Este texto é uma reedição com os comentários da época feito pelos leitores. Eu o havia produzido e publicado em 22 de Novembro de 2008, vale a pena republicá-lo para ver o frequênte assalto que o país sofre dos vizinhos sob o governo Lula. Leiam:

Ontem foi a Bolívia, hoje é o Equador, amanhã quem vai tungar o dinheiro do povo brasileiro? O Paraguai do presidente Lugo...? O índio bandoleiro da Bolívia, Evo Morales, tomou o património da Petrobras e o que fez o governo do PT, anunciou outros investimentos na... adivinhe, Bolivia. Essa é a política do governo brasileiro, muita gritaria teatral contra o “tarrr de imperialismo” e permissividade total com hermanos do subcontinente.


"Ah, mais o governo chamou de volta o embaixador do Brasil no Equador." É mesmo, é? Ora, não era governo quem dizia que a divida não era do Equador, mas da empresa Brasileira, Odebrecht. Isso parece mais um teatro combinado entre os mui amigos esquerdopatas da América Latina. Não se deve perder de vista que ao contrário do que foi divulgado na época, o governo Lula não foi surpreendido com a tomada da Petrobras pela Bolívia. Eles já sabiam. Como se pode ter certeza de que agora o governo brasileiro também não tinha conhecimento prévio deste calote? Não é demais pensar isso de um governo que comprou a democracia, pelo menos por um tempo, com o mensalão, não é mesmo?

Essa já é uma desconfiança que está na cabeça do povo brasileiro, veja esse comentário: "Acredito também que esta história de empréstimos aos países "amigos" e estas ações do Equador são jogadas ensaiadas. Uma boa investigação, com fontes daqui e de lá pedem acabar virando capa de um novo futuro escândalo".

Enquanto vemos o dinheiro ser queimado por irresponsabilidade ou, o que pode ser pior ainda, por traição ao estado brasileiro, a nossa infra-estrutura tá que faz dó. Vejam que sob o governo Lula o metrô de BH nada avançou. O dito PAC é uma enganação, são recursos de estados, municípios e iniciativa privada com uma merequinha da união, que ganha esse rótulo.

Até quando o Brasil vai continuar sendo roubado por esses filoditadores que golpeiam seus povos e agora com complacência da turminha petista fazem o mesmo aqui? Queremos o nosso Brasil de volta. Precisamos de gente que tenha compromisso com um projeto de país. Que não tenha medo de dizer que o Brasil é um país grande e pode ser cada vez mais forte. Um país que se respeita e se faz respeitar.

COMENTÁRIOS:
Parcialmente triste disse...O Brasil é a Geni da America do Sul, todo ditadorzinho de m... leva um pouco, provavelmente esse novo ratocrata não deve ter oferecido nenhuma comissão, por isso essa pequena reação. Já os demais são outras conversas pois nos roubaram e ainda assim foram considerados aliados e merecedores de novas doações. (Tem mensalito no pedaço).23 de Novembro de 2008 08:32

Berlatto disse...Continuo dizendo o seguinte: Ainda bem que temos Reinaldo Azevedo, Diogo Mainardi, etc., e agora conhecendo Leonardo Barros, fico feliz que as fileiras do bom senso e independencia estao maiores. avante Leonardo. Abraços
23 de Novembro de 2008 12:00

maria, maria disse...
Os crimes de lesa-pátria cometidos pelo sem-vergonha-mor e sua escroqueria avolumam-se sem que uma única voz contrária saia do putrefato congresso, sem que a mídia ao menos debata o assunto. Todos os poderes estão podres;quanto aos "elementos" que os compõem, enquanto uns estão envolvidos em contar as moedas que recebem por sua traição à spciedade, outros temem a divulgação dos dossiês que a escumalha no poder preparou contra eles.A canalha do itamaraty, despreparada, aliada à bandidagem do Foro de São Paulo, dobra-se docilmente aos tiranetes da latrinamérica.
23 de Novembro de 2008 14:06

fbtomaz disse...
Oi meu caro.....Acabo de conhecer esse blog,,sou leitor oriundo do Reinaldo...e pelos dois primeiros comentarios seus já vi que aqui em Minas temos gente tão boa quanto o nosso Rei.....Que supreza agradável, meus parabens...um abraço e continue com esse sucesso,,,,,,de agora em diante serei tbem seu leitor
23 de Novembro de 2008 14:16

Anônimo disse...Empresta pro Equador, sem receber; empresta pra Cuba; abre as pernas pra Bolívia e perdoa dívidas. Êta país rico! Êta presidente canalha!
Correa sjcampos sp
23 de Novembro de 2008 15:45

Esperando Godot disse...Para defender o Brasil eu chamaria o Zorro. Ele sabe como desmoralizar o Garcia.
Esperando Godot
23 de Novembro de 2008 16:48

Capitão América disse...
Berlatto (23 de Novembro de 2008 12:00) disse...
Continuo dizendo o seguinte: Ainda bem que temos Reinaldo Azevedo, Diogo Mainardi, etc., e agora conhecendo Leonardo Barros, fico feliz que as fileiras do bom senso e independencia estao maiores. avante Leonardo. Abraços
O quê está ocorrendo é um movimento democrático via internet já que a grande maioria dos meios de comunicação vivem a defender o PT. É triste, mas se não fôsse a internet inventada pelos "nefastos" EUA, estariamos dependentes deste tipo de coisa anti-democrática.
Acho que a imprensa brasileira deve rever seu papel, no caso, de advogada do demônio (marxismo) para relatora dos fatos.
Quanto ao entreguismo de Lula, PT e toda esquerda tupiniquim (sim, se um partido apóia é porque gosta da coisa), acho que devemos começar a processar. Traição ao país é crime ou não?
Sem mais...
23 de Novembro de 2008 17:17

Tulio disse...
O molusco já provou que não tem fibra e vai deixar que esse cucaracha, ao igual que aquele índio de araque, passe a mão na b*nda do Brasil
Postar um comentário