sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Escola de Governo da Fundação João Pinheiro é apontada pelo MEC como a melhor faculdade de Minas


A Escola de Governo Paulo Neves de Carvalho, da Fundação João Pinheiro (FJP), foi considerada a melhor faculdade de Minas Gerais no Índice Geral de Cursos (IGC), divulgado pelo Ministério da Educação (MEC). Entre as 27 instituições de ensino superior do país que alcançaram a nota máxima na avaliação, a Escola de Governo ocupa posição de destaque com a nona colocação. Entre as instituições sediadas no Estado, incluindo as Universidades Federais, a Escola de Governo foi classificada em primeiro lugar.

O IGC é um indicador baseado na análise das condições de ensino, em especial aquelas relativas ao corpo docente, às instalações físicas, ao projeto pedagógico e ao resultado dos alunos no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). Ao todo foram avaliadas 2.177 instituições de ensino, sendo 229 públicas e 1.947 privadas, entre universidades, centros universitários e faculdades.

HISTÓRICO
Desde a apresentação do índice pela primeira vez, em 2008, a Escola de Governo da FJP mantém-se entre as 10 melhores do Brasil. No que diz respeito ao IGC contínuo, conceito que credencia as instituições com notas de um a cinco pontos, a Escola de Governo subiu de 4,14 em 2009 para 4,40 em 2010. Este ano, a Escola manteve os 4,40 pontos contínuos, sustentando os 5 pontos de conceito.

Para a coordenadora do curso de graduação em Administração Pública da Escola de Governo, Maria Isabel Araújo Rodrigues, a qualidade do ensino e o comprometimento dos professores em tempo integral são os fatores mais relevantes para o desempenho favorável da instituição no IGC. “Hoje, 93% do corpo docente é formado por mestres e doutores que, em sua maioria, possuem vivência prática na Administração Pública. Além disso, o curso é de dedicação exclusiva, proporcionando aos alunos mais envolvimento com conteúdos teóricos e práticos, os quais serão significativos para sua formação profissional”, explica.

Já a diretora geral da Escola, Luciana Raso, enaltece os diferenciais da instituição. “Esse resultado é o coroamento de um trabalho que é fruto do esforço de todos os profissionais da Escola de Governo, a qual possui corpo docente e método de ensino diferenciados”, afirma. “O que mais nos enaltece é esse diferencial em relação às outras escolas, que nos coloca em posição de destaque, uma vez que conseguimos atrelar nossa autonomia acadêmica às políticas públicas do Governo do Estado de Minas Gerais”, completa Luciana Raso.

RANKING

Além da Escola de Governo da FJP, outras seis escolas sediadas em Minas Gerais figuram no ranking do MEC – a Universidade Federal de Lavras (UFLA), a Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Faje), a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a Universidade Federal de Viçosa (UFV),a  Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) e a Universidade Federal de Itajubá (Unifei), seguindo ordem classificatória.
Postar um comentário